A nova marca do Grupo Editorial HN foi desenvolvida considerando não apenas os conceitos artísticos e matemáticos que nela foram inseridas ou nosso modo de nos relacionarmos com o mercado editorial, mas também para celebrar os 15 anos de atuação, a serem completados em 22 de setembro de 2017.

Após definirmos o conceito que a nova marca deveria carregar, da perspectiva daquilo que um Grupo Editorial como o HN deve transpirar – a paixão por leitura, e do modo como vemos a literatura como um portal para novos mundos – como aquele encontrado pela Alice em “Alice no país das maravilhas”, decidimos que o ferramental para a construção de nossa nova identidade corporativa seria a sequência de Fibonacci, uma sucessão de números que se revela em muitos fenômenos da natureza.

Descrita no final do século 12 pelo italiano Leonardo Fibonacci, a sequência numérica é infinita e começa com 0 e 1. Os números seguintes são sempre a soma dos dois números anteriores. Portanto, depois de 0 e 1, vêm 1, 2, 3, 5, 8, 13, 21, 34… Essa razão numérica pode ser ilustrada por uma espiral, olha só:

 

Como exemplos de onde se pode encontrar a sequência ou espiral de Fibonacci, seja na natureza, seja nas construções do homem, estão a concha do caramujo, em que cada novo pedacinho tem o tamanho dos dois pedacinhos anteriores somados; as presas de marfim do elefante, se crescessem sem parar, ao final do processo, teriam o formato da espiral aí acima. Nas artes, a razão matemática de Fibonacci se tornou uma das principais marcas da Renascença. A Mona Lisa, de Leonardo da Vinci, usa a razão na relação entre tronco e cabeça e entre elementos do rosto.

Na Antiguidade, mesmo sem saber como descrever, a razão áurea já era usada, e pode ser encontrada tanto no Partenon grego, templo datado do século V a.C. e cuja largura e altura de sua fachada estão na proporção de 1 para 1,618 e, como o mistério não tem fim, nas grandes pirâmides do Egito a sequência também pode ser observada: cada bloco é 1,618 vezes maior que o bloco do nível imediatamente anterior.

A frequência com que a razão de Fibonacci – também conhecida como proporção áurea [ou proporção de ouro] é tão grande que na matemática é representada pela letra grega phi: φ.

Veja como foi o desenvolvimento de nossa nova marca:

 

 

E se você está se perguntando o que é esse buraco na copa da árvore, é a nossa “chave do portal” para o mundo da literatura. Gostou?